Comunidade do Residencial Mangabeiras participa de passeio ao Oceanário

O Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado anualmente no dia 5 de junho, uma data importante para a conscientização sobre a proteção ambiental e que visa sensibilizar indivíduos e comunidades sobre a importância de cuidar do planeta. Por isso, nesta quarta-feira, 5, a Prefeitura de Aracaju, através do Projeto de Trabalho Social (PTS), realizou um passeio ao Oceanário da capital para a comunidade do Residencial Mangabeiras Irmã Dulce dos Pobres.

Esta é uma iniciativa desenvolvida no âmbito do programa Pró-Moradia, do Ministério do Desenvolvimento Regional, executado pela empresa Oliveira Consultoria, sob o acompanhamento da Secretaria Municipal da Assistência Social, por meio da Diretoria de Gestão Social da Habitação. Durante todo o tempo em que as unidades habitacionais estão sendo construídas, a comunidade participa de ações socioeducativas em diversos eixos. A atividade nesta quarta-feira foi focada no eixo de educação ambiental e patrimonial.

“Como o eixo de educação ambiental é uma prerrogativa da portaria que rege o trabalho social, nós pensamos no Projeto Tamar que está no Oceanário, que é um projeto muito importante que acontece aqui na nossa cidade e foi uma oportunidade para o público do Residencial Mangabeiras e de crianças do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) do Centro de Referência da Assistência Social (Cras) Maria Diná, acompanhada dos pais, os quais estamos fortalecendo esse vínculo familiar, da responsabilidade, essa corresponsabilidade que é cuidar do meio ambiente”, explicou a responsável técnica do PTS pela Oliveira Consultoria, Patrícia Oliveira.

A técnica de referência do SCFV, Iaracy Araújo, destaca que a atividade realizada no Oceanário traz para as crianças, adolescentes e adultos, uma sensibilização e o despertar do conhecimento para os cuidados e preservação do meio ambiente. “Às vezes eles não podem ter essa vivência no seu cotidiano, as crianças talvez na escola, mas no SCFV junto com o PTS, a gente pode fazer essa articulação para eles terem esse conhecimento do cuidar do meio ambiente, e nada melhor do que ter essa imersão com esse projeto lindo, que é o Projeto Tamar. Eles estão tendo esse contato realmente do que era mais distante para eles, estão vivenciando essa experiência única”, disse Iaracy.

Visitando pela primeira vez o Oceanário, a dona de casa Daniele Rocha conta que é um momento maravilhoso poder aprender sobre a preservação do meio ambiente junto com as filhas, Isabel Gabriele, 13 anos, e Iasmim Santos, de 8 anos. “Eu sempre tive a vontade de visitar e de trazer minhas filhas também, já tinha visto muita coisa pelos telejornais e nas redes sociais, mas por questões financeiras nunca consegui vir. Hoje, estando aqui com minhas filhas, com o pessoal da comunidade, vejo o quanto é encantador e o tanto de conhecimento que é ensinado. Acredito que será bom também para o conhecimento escolar das minhas filhas, é um dia que vai ficar marcado, já fizemos vários vídeos, várias fotos para deixar tudo registrado”, concluiu Daniele.

“Já é a segunda vez que venho aqui. Antes eu era pequena e não entendia muito as coisas, hoje eu estou aprendendo e entendendo que cuidando do meio ambiente, a gente vai ter um planeta melhor, um futuro melhor para todos. Se a gente cuidar certo da natureza, os animais vão morar bem, porque a gente também mora no meio da natureza”, conta a estudante, Marina Sofia Alves, de 12 anos.

Clique aqui e confira a Galeria de Fotos
Fotos: Mateus Souza/Assistência Social

Publicado em: 05/06/2024